Matemática Flamenguista

Rio de Janeiro FlamengoRio de Janeiro, 450 anos ! Rio de Janeiro sem futebol, não seria Rio de Janeiro e nada mais justo que o time mais popular da cidade se manifestar para comemorar a data. Tudo muito bom, tudo muito bem mas o que era para ser uma leve gozação do Flamengo com a concorrência, acabou virando um belo gol contra. Os publicitários flamenguistas podem até ser bons de layout mas são catastróficos em equações matemáticas. Não teve jeito da conta deles fechar… Se a torcida do Flamengo é mais da metade, fica bem difícil a outra metade sonhar em ser rubro-negra. A solução da equação foi tirar o anúncio do ar. As agências de publicidade, além de revisores de texto deveriam começar a contratar também revisores de tabuada e frações.

Personagens do Linkedin

linkedinSe é que existe alguma rede social que tem algum valor para quem não está disposto a ajudar na busca de um lar para cãezinhos desamparados ou a encontrar fórmulas mágicas de emagrecimento, é o Linkedin. O Linkedin na sua essência, serve eminentemente para contatos profissionais. Seria ótimo se fosse apenas isto… Vejo no entanto, que muitas pessoas ainda tem uma certa dificuldade em diferenciar esta rede social de uma série de outras que elas utilizam no dia a dia.

Os exemplos são muitos…A começar pelas fotos que ilustram os perfis dos executivos…Entendo que vários profissionais sejam casados, mas por que motivo eles tem que colocar no seu perfil, justo a sua fotinho do dia do casamento ? Homens de olhos marejados, com cravos na lapela aparecem aos montes…As noivas, vestidas de branco, até que não tem vez…Madrinhas, em compensação, estão por toda a parte. O resultado é uma série de mocinhas representadas por imagens em que estão com maquiagem de gala, brincos cintilantes e babyliss nos cabelos. Será que alguém comparece ao local de trabalho com estes figurinos ?! Só se for “church office”

E as imagens tendo como fundo o Empire States, a torre Eifel e o Coliseu ? Se você não conhece a turma, poderia imaginar que sejam pessoas que trabalham no segmento de viagens, talvez como agentes de turismo….Não, nada disto. São fotos que mostram momentos de férias das pessoas, seja com bermudão, óculos escuros e cerveja, seja esquiando na neve ou conhecendo pontos turísticos pelo mundo. De preferência os filhos, a sogra e o cachorro também aparecem na mesma fotinho, para passar a mensagem de família unida. Em uma rede social dirigida ao mundo dos negócios, não sei se é uma boa idéia deste pessoal  reforçar que gosta mais de passear do que de trabalhar (no fundo todos nós gostamos mas não precisa deixar isto tão explícito…).
Também merecem destaques os nomes dos cargos  que as pessoas muitas vezes colocam para engrandecer e embelezar seus currículos. No Linkedin, office boy vira “gerente de fluxo de informações internas”, padeiro se transforma em “empreendedor do setor alimentício”…. Até hoje, o que mais admirei no entanto, foi o cidadão que colocou  que o seu cargo era “eterno aprendiz”…Tenho certeza que ele está conectado com o “pescador de ilusões” e com o “cavaleiro da esperança”…

Recrutamento e Seleção

noticia_73518Você poderia me contar quais foram as suas maiores realizações na sua empresa anterior ? Se você estivesse no meu lugar, porque eu deveria te contratar ? Qual a sua maior fortaleza e onde ainda pode se desenvolver  ? Me fale onde você pretende estar nos próximos 5 anos ?

Com pequenas variações, as entrevistas de emprego acabam tendo um roteiro mais ou menos programado. Logicamente, os candidatos também acabam se preparando para responder sempre às mesmas perguntas e chegam com discursos pré-fabricados, pensando mais em falar o que acham que o entrevistador gostaria de ouvir, do que em expor a verdade.

Depois de entrevistar um candidato recentemente, fiquei com vontade de me inspirar no que a Heineken fez.  A Heineken, preocupada com a previsibilidade do comportamento da turma, resolveu radicalizar no processo seletivo de um estagiário (coitados, sempre eles são as cobaias… uma espécie de beagles do Instituto Royal, do mundo corporativo).

Como você se comportaria se o seu entrevistador resolvesse andar de mãos dadas com você pelo escritório ? E se ele tivesse um ataque cardíaco no momento da entrevista ? Bem…nada disto faz parte do script tradicional ou das boas práticas dos manuais de RH. O resultado pode ser visto neste vídeo e se não garante que o candidato venha a ser um profissional de sucesso, pelo menos o qualifica para ser um astro de internacional de pegadinhas …

PS: Apesar da inspiração, não está nos meus planos passear de mãos dadas com candidatos.

Estratégia furada

PirelliReunião do departamento de Marketing da Pirelli 2 anos atrás…

O gerente de produtos Giuseppe chega para o seu diretor de Marketing e fala:

Luigi, as nossas pesquisas de mercado indicam que precisamos associar a nossa marca a performance, velocidade…Os nossos concorrentes são vistos como melhores do que a gente. Precisamos mudar isto…

Sim, Giuseppe . Qual o plano ?

Pensei que poderíamos ser fornecedores exclusivos de pneus  para a Fórmula 1.

Mamma mia …Isto é muito caro !

Sim, é caro. Mas é uma oportunidade única. É a categoria mais veloz do mundo. Toda a vez que o pessoal for comprar pneus lá na D Paschoal, na Zacharias e na rede Caçula eles se lembrarão de nós…Somos da Pirelli, a fornecedora oficial e exclusiva de pneus da Fórmula 1! Ferrari, Red Bull, McLaren e nós…Aliança perfeita ! Vou exigir ainda que no pódio os vencedores usem o boné com a nossa marca…Vai ser um estouro !

Acho que você está certo. Vamos ! Além disto vai ser legal porque nós do Marketing ganharemos ingressos para todas as corridas. Não vejo a hora de ir para Mônaco. Vai ser legal para motivar o nosso time…Ah! Deixe-me participar da escolha das recepcionistas do nosso camarote vip…

******************************************************

MassaReunião do departamento de Marketing da Pirelli amanhã…

Giuseppe, bem que você disse que a estratégia seria um estouro…5 pneus nossos explodiram durante a corrida. Todos os pilotos estão nos xingando. Os caras não podem andar rápido senão o pneu vai pelos ares. O que vamos fazer agora ?

Pois é chefe…Até minha avó me perguntou se tem risco do pneu do seu Uno desmanchar no trânsito da 23 de Maio. O gerente do departamento comercial por sua vez, me ligou para dizer que os borracheiros estão muito contentes com a nossa empresa. Talvez devessemos divulgar esta notícia boa para o presidente.

Sobre a sua avó fale para ela andar devagar e evitar subir na calçada…Não quero problemas com a sua família. Vamos guardar o feedback dos borracheiros para a reunião do comitê. Realmente isto é um trunfo para nós…Estes estouros na Fórmula 1 estão levando mais gente para as borracharias do mundo. Todo mundo imagina que os pneus de seus carros também explodirão.Foi uma grande estratégia.E quais são os novos planos ?

Camisinha PirelliBom, o pessoal da fábrica ligou e disse que com a queda das vendas está sobrando um pouco de borracha. Pensei que este talvez seja o momento certo de diversificarmos  o nosso negócio e produzirmos camisinhas…A matéria prima está disponível e este é um mercado que cresce sem parar.

Você tem razão…Talvez seja mesmo a hora de tirar um pouco o foco deste negócio de Fórmula 1. Vamos diversificar e crescer em outros segmentos. Certamente esta estratégia tem potencial para ser um novo estouro…Dá para prever que o pessoal das maternidades, assim como os borracheiros, também nos adorará. Você é um visionário…Avante !

Fenômeno !

161345Ronaldo é membro do comitê organizador da Copa do Mundo de 2014. Ronaldo é dono da agência que cuida da imagem de Neymar. Ronaldo agora é comentarista esportivo contratado pela Rede Globo.  Acho que é mais fácil eu me transformar no maior artilheiro de todas as Copas do Mundo, mesmo iniciando minha carreira futebolística aos 42 anos, do que o Ronaldo conseguir explicar como concilia eticamente estas funções…Não que ele esteja muito preocupado com as minhas bandeiras de moralidade, mas se ele me convencesse que não há conflito de interesses entre estas atividades, eu teria que reconhecer que ele é realmente um Fenômeno, com ou sem a bola nos pés.

Momento “revolta com o chefe”

“Leave me alone. I know what to do.”

Kimi Raikonnen, vencedor do Grande Prêmio de F1 de Abu Dabhi ao receber orientações do seu chefe de equipe .

Como ele ganhou a prova,  ficou divertido o mini motim contra o “chefe” ,testemunhado pelo mundo inteiro via rádio. Para sua sorte ele ganhou…se tivesse perdido eu esperaria uma vingança  doce e silenciosa por parte do chefe…Esculacho em chefe desta maneira é para poucos…

Salsinha e coentro

Esta semana tive que entrevistar diversas pessoas para uma série de posições diferentes. Candidatos de perfis distintos, com competências e experiências variadas  e alguns com virtudes e defeitos bastante claros. Há um grupo de pessoas no entanto, que me intriga por se  encaixar em um perfil complexo: os medianos. São aquelas pessoas que se destacam por não se destacarem em absolutamente nada. Tem um perfil morno, sabor de chuchu e com isto não geram nem paixão nem tampouco grandes antipatias.  Falam corretamente o que os entrevistadores querem ouvir,  não derrapam, tem  experiência profissional mas não se posicionam e não conseguem brilhar em absolutamente nada.  São médios em tudo e vão sobrevivendo em função das rejeições que os demais candidatos causam ao longo do processo.

Para quem não é muito acostumado com o mundo corporativo, diria que estas pessoas são mais ou menos como a salsinha que se coloca para decorar o prato…não muda o gosto da comida, não agrega nada mas ninguém se incomoda e ela vai ficando…é muito diferente de um coentro por exemplo…capaz de gerar repulsas e paixões em função de sua personalidade. O pior é que os candidatos salsinha quando competem com um candidato coentro, daqueles que provocam indigestão na área de recursos humanos, tem grandes chances de vencer os processos, mesmo com uma personalidade sem graça, bege, da cor das divisórias. Se depender de mim, entrarão em extinção…hoje consegui erradicar uns dois salsinhas que estavam caminhando para a glória . O mundo corporativo precisa de mais personalidade, cor e de tempero…chega de salsinhas, chega de bege.

Express kidnapping and ATM blasting

Depois de uma semana tomada por jantares corporativos e jogos críticos da Copa Libertadores, finalmente o blog retoma o seu ritmo de produção. A freqüência  destes jantares, muitas vezes com platéias repetidas, esgotou minha pauta de assuntos e curiosidades sobre o Brasil para entretê-los. Falar sobre o tamanho da população japonesa em São Paulo, conforme já descrevi em outro post, não foi suficiente. Constatei que o tema triste mas que fascina os gringos é a violência na cidade. Eles já chegam procurando histórias sobre o assunto…Começam perguntando se assaltos ocorrem por toda a cidade, se o hotel deles está em uma região perigosa, relatam coisas que ouviram de outros viajantes.

A catarse começa  quando descrevo o que é um “express kidnapping” , o transe prossegue com um breve relato sobre o processo de  “ATM blasting”   mas o ápice de fascinação é saber que algumas pessoas na mesa possuem carros blindados. Explicar para um canadense de Halifax que cidadãos normais, funcionários da mesma empresa que ele e que não são o Obama ou o Bento XVI, dirigem “armored cars é uma experiência antropológica. Ele não acredita…pede detalhes… e tenho certeza que saiu do jantar com a convicção que veio visitar o velho oeste, terra sem lei. Falei sobre o Brasil que cresce, que a nossa economia é a sexta do mundo, que seremos sede da Copa do Mundo e das Olimpíadas, que temos praias lindas, riqueza cultural, florestas , um povo legal, uma democracia consolidada  mas tenho que admitir que o “awareness” do assunto violência foi bem maior. Triste mas real.

Bife com batatas

Ontem fomos jantar no L’Entrecote d’Olivier , mais um daqueles restaurantes que tem apenas um prato. Você vai lá e o máximo que faz é escolher a sua bebida e o ponto de sua carne. O resto está definido: salada verde, o entrecote (um bife com grife) e as batatas fritas. Não é muito diferente de ir ao Bolinha com sua feijoada ou a outros lugares que fizeram sua fama baseados em um prato só, como o Bar do Alemão com seu Bife à Parmeggiana. Sempre fiquei pensando na moleza que é administrar este tipo de restaurante em que todo mundo pede a mesma coisa: fornecedores definidos, compras em escala, giro mais rápido de mesa, menos treinamento dos garçons. Deve ser o sonho de qualquer dono de restaurante.

Durante o jantar  no entanto ,tive um insight na outra direção: como  deve ser difícil gerir a frustração do chef…O coitado não pode criar nada, não está autorizado a colocar sequer uma salsinha para enfeitar o prato e se o restaurante sobreviver, tem uma perspectiva de ficar fritando bifes com batatas pelas próximas décadas . Experiências em seu currículo ? Fritar bifes com batatas…Fiquei pensando no Olivier tentando motivá-lo…ninguém frita bifes como você ! A sua batata frita é a melhor do mundo, continue assim ! E os feedbacks ? Sinto que você pode melhorar no seu bife mal passado…ajuste um pouco mais a espessura da batata para que ela fique mais crocante… Deve ser um tédio… o coitado do chef tem que fazer produção industrial na sua cozinha e absolutamente ninguém reconhece as suas potenciais virtudes de inovação. Sensação parecida deve ter o diretor de arte premiado com leões em Cannes fazendo campanhas de dia das mães para as Casas Bahia…um verdadeiro choque de realidades em que a criatividade não tem muita vez. Ah, o jantar ? Comida honesta, mas a companhia estava bem melhor que o bife com batatas.

Maus usuários de e-mail: punição já !

Utilizar e-mail ainda parece ser uma ciência complexa para muita gente. Fico pensando no benefício para toda a sociedade se a função “reply to all” ou “responder para todos” apenas fosse habilitada para pessoas que comprovassem ter ao menos dois neurônios funcionando. Deveria existir processo similar ao da carteira de motorista…Você só pode dirigir um carro se for aprovado em provas teóricas e práticas e se cometer faltar graves, pode ter a sua habilitação cassada. Com e-mails também deveria ser assim…Enviou e-mail por engano para toda a lista de distribuição da empresa ? Bloqueio. Enviou e-mail para toda a empresa, repreendendo o indivíduo que mandou o e-mail errado ? E-mail suspenso – volte a se comunicar por memorandos e por telefone. Enviou e-mail que mais parecem romances de Machado de Assis ? Aula de recuperação, escrevendo  à mão, mil vezes em uma lousa “e-mails deve ser curtos e diretos”.

O mau uso da ferramenta não é privilégio tupiniquim. Esta semana li que na Aviva, segunda maior companhia de seguros do Reino unido, um cidadão enviou um e-mail por engano para 1200 funcionários . O conteúdo da mensagem ?  “Somos obrigados a lembrá-lo de suas obrigações contratuais para com a empresa que você está deixando. Você deve manter confidenciais informações relativas a operações da Aviva Investors, sistemas e clientes. Gostaríamos de aproveitar esta oportunidade para lhe agradecer e desejar sucesso no futuro”. Resumo: um e-mail que deveria ter sido enviado a apenas uma pessoa que seria demitida foi dirigido a 1200, de todas as partes do mundo, gerando um caos na empresa e obrigando o relações públicas a se manifestar perante o mercado para explicar o ocorrido. Alguém tem alguma dúvida que além do demitido original , o iluminado de recursos humanos que fez isto também deveria ter entrado na lista de demitidos e quem sabe, como último ato, enviar a dita mensagem a si próprio ?

Posts anteriores

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Rumo a um bilhão de hits

  • 65.877 hits

Páginas mais populares

outubro 2019
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
%d blogueiros gostam disto: