Novo mercado para a DDDrin

Cada vez que chego em casa e baixo os meus e-mails é a mesma coisa. Dezenas de ofertas para eu alongar meu dito cujo, propostas irrecusáveis de George Foreman grills com descontos incríveis, lançamentos de imóveis comerciais na Parada Inglesa e em Guianazes e convites de moças disponíveis para prestarem qualquer tipo de serviço. Hoje recebi nada mais nada menos do que cinquenta spams, sem contar aquelas pessoas que usam mal o e-mail e me repassam imagens do por do sol na Lapônia com 12 mega, correntes pedindo doação de leite em pó e convites de apoio a causa dos índios ianomâmis. Os spams parecem se reproduzir na minha caixa de entrada como coelhos ninfomaníacos e a impressão que dá, é que se eu ousar pedir para os remetentes cancelarem o meu nome da lista, a vingança será cruel,e meu inbox será tomado por coisas ainda mais perversas e em quantidades ainda maiores. Já tentei dedicar um e-mail exclusivo só para preencher fichas, cadastros e afins, sempre desclico a opção de receber qualquer coisa via e-mail e nada parece resolver. Os deleto, extermino, erradico da minha caixa de entrada e eles voltam. Pior…todos os spams passam por todos os filtros e todas as mensagens reais caem como spam. Parecem baratas virtuais. Você mata uma e aparecem três. A DDDRIN precisa migrar para o mundo digital e ajudar a acabar com as pragas.
!

Posts anteriores

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Rumo a um bilhão de hits

  • 66.631 hits

Páginas mais populares

Mensagem ao Ursinho Puff
O deserto que sempre imaginei
Presentes de natal em tempos de paranóias terroristas
O mítico pão de semolina
WC
Das auto ist kaputt !
março 2012
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  
%d blogueiros gostam disto: