Twitter: o passarinho vai para a gaiola

Recentemente o Twitter anunciou que desenvolveu um mecanismo que permite que os tweets passem a ser monitorados e bloqueados em diferentes regiões. Um mesmo tweet poderia ser liberado em um país e bloqueado em outro. Um determinado país faria uma solicitação ao Twitter para que os tweets relacionados a temas “ilegais” fossem bloqueados. No lugar, o Twitter postaria uma mensagem de censura ao invés da mensagem originalmente postada.
Parece um roteiro perfeito para Cuba, Síria e afins. Eis que surge o primeiro candidato a exercer o poder de censura: Brasil! Justo nisto fomos ser pioneiros ?!
O governo brasileiro entrou com um processo solicitando que o Twitter exerça o bloqueio sobre mensagens relacionadas a ocorrência e localização de blitz de trânsito,fiscalização de lei seca, radares móveis etc… Se a liminar for concedida, o Twitter será considerado co-responsável pelos tweets que estimulam o drible a lei e pagará R$ 500.000,00/dia por infração. Será que não existe alguma solução mais inteligente ? Não me parece que mesmo que a censura seja implementada irá resolver alguma coisa. Comunicação não se prende na gaiola. Telefones celulares e e-mails continuarão existindo, mensagens cifradas serão criadas. É algo bem parecido com tirar o sofá da sala para que a filha não namore. Cidadania e responsabilidade não virão com censura.

Posts anteriores

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Rumo a um bilhão de hits

  • 65.875 hits

Páginas mais populares

outubro 2019
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
%d blogueiros gostam disto: