Tanque cheio de likes

Petróleo vindo do pré-sal ? Etanol ?? Existem combustíveis bem mais divertidos e interessantes. Um grupo de estudantes do Kansas desenvolveu um carro movido a energia social, encontrada em abundância na Internet…Basicamente o carro se movimenta transformando em eletricidade todos os likes,shares, tweets ou comentários feitos sobre o projeto e que mencionem a hashtag #minddrive. O plano é fazer com que  um Karmann-Ghia 1967 percorra a distância de Kansas City a Washington DC (+-300 Km) sendo movimentado por  “social watts” (na conta deles serão necessários 71.040 social watts para consegui chegar até lá…no site deles tem uma contagem regressiva que indica quanto falta…).

Decidi contribuir e seguir a turma no Twitter, o que equivaleu a 5 watts. Mais detalhes sobre o projeto e o “preço” do combustível podem ser encontrados em www.minddrive.org. Lá também o preço é tabelado….Vamos ajudá-los a encher o tanque, embora o mais fácil fosse pegar combustível emprestado de alguns chatos de Facebook, que devem ter estoque de comentários armazenados que permitiriam que o carrinho chegasse até a lua…PS: eles são americanos, não sabem batizar a gasolina…se soubessem , a missão seria mais fácil.minddrive-550x282

O papa é pop

bentoxvi-ipad-vaticanosapatos-do-papa-300x210O papa já tinha mostrado os seus sinais de conexão com o universo pop quando apareceu com os seus calçados Prada vermelho. Hype. Agora o Vaticano anunciou a criação de uma conta no Twitter para sua santidade Bento XVI (@pontifex, ou  “construtor de pontes” em latim). Mesmo sem ter postado nada, nem uma bençãozinha sequer , ele já tinha angariado 400.000 seguidores em horas. O primeiro tweet  é esperado apenas para o dia 12/12. Será bastante divertido ver quem o papa irá seguir (@justinbieber ??, @ladygaga ??,@katyperry ??…) e qual será o seu comportamento. Será que seus seguidores que se comportarem mau serão bloqueados e posteriormente excomungados ? Podemos esperar sermões em 140 caracteres ? Será que o Bento irá retweetar piadas contadas pelos cardeais ? E durante as missas ? Dará uma olhadinha discreta em seu SmartPhone para conferir as novidades ?? Estou esperando agora o seu ingresso no Facebook, com inevitáveis likes para a Capela Sistina e o Papamóvel. Em homenagem ao movimento de abertura do pontíficie à tecnologia, lembrei de um clipe com uma das músicas mais chatas de todos os tempos, composta pelos Engenheiros do Havaí, mas que ganha ares proféticos e inevitáveis neste momento, afinal o papa é pop (ou mais provavelmente, gosta de ser percebido assim…). Ouvir este clipe 5 vezes tem poder de absolvição por pecados cometidos equivalente a rezar 50 Aves Maria e é bem pior do que ajoelhar no milho…Se o pecado for mais grave do que isto, o que é difícil, recomendo ouvir 10 vezes “Infinita Highway”…Qualquer um que suportar esta penitência vai para o céu.

Twitter: o passarinho vai para a gaiola

Recentemente o Twitter anunciou que desenvolveu um mecanismo que permite que os tweets passem a ser monitorados e bloqueados em diferentes regiões. Um mesmo tweet poderia ser liberado em um país e bloqueado em outro. Um determinado país faria uma solicitação ao Twitter para que os tweets relacionados a temas “ilegais” fossem bloqueados. No lugar, o Twitter postaria uma mensagem de censura ao invés da mensagem originalmente postada.
Parece um roteiro perfeito para Cuba, Síria e afins. Eis que surge o primeiro candidato a exercer o poder de censura: Brasil! Justo nisto fomos ser pioneiros ?!
O governo brasileiro entrou com um processo solicitando que o Twitter exerça o bloqueio sobre mensagens relacionadas a ocorrência e localização de blitz de trânsito,fiscalização de lei seca, radares móveis etc… Se a liminar for concedida, o Twitter será considerado co-responsável pelos tweets que estimulam o drible a lei e pagará R$ 500.000,00/dia por infração. Será que não existe alguma solução mais inteligente ? Não me parece que mesmo que a censura seja implementada irá resolver alguma coisa. Comunicação não se prende na gaiola. Telefones celulares e e-mails continuarão existindo, mensagens cifradas serão criadas. É algo bem parecido com tirar o sofá da sala para que a filha não namore. Cidadania e responsabilidade não virão com censura.

Indonésia

Se você tem alma surfista e sonha com swells perfeitos, possivelmente já ouviu falar na Indonésia em função de suas praias, como Lombok e Bali. Se você é um seguidor da National Geographic ou do Animal Planet relaciona a Indonésia com os dragões de Komodo, uns lagartos gigantes que de vez em quando jantam umas criancinhas desatentas

Dragão de Komodo

. Se você jogou muito Master durante os dias chuvosos de final de ano, talvez tenha aprendido que a Indonésia é o quarto país mais populoso do mundo, com 240 milhões de habitantes e onde se concentra a maior população muçulmana da face da terra. Se você é cinéfilo,já ouviu falar em Krakatoa, o inferno de Java, e agora já está advinhando que o vulcão também fica na Indonésia (deveria ter mencionado que você deve ser um cinéfilo de idade mais avançada, pois este filme é quase do tempo do cinema mudo).
E quando falamos em redes sociais ? Você tem alguma idéia do que representa a Indonésia ? Tem algum amigo indonésio seguindo você no Twitter ? Possivelmente não, mas em breve terá…Quase 21% da população do país tem uma conta no Twitter…Nenhum outro país tem um percentual tão grande da população despachando tweets por aí.

Os tweets pelo mundo...os indonésios adoram !


Nós brasileiros estamos em segundo lugar, seguidos pela Venezuela e vitaminada pelo Hugo Chavez que tem 2,5 milhões de seguidores! O motivo desta paixão indonésia por tweets ? As explicações do estudo publicado pelo http://www.psfk.com. de que o inglês é muito difundido e de que os custos de telefonia celular são muito baixos não me convenceram muitos. Vale uma pergunta aos dragões…

Tweet seats

Outro dia escrevi sobre a minha experiência no show do Ben Harper, filmando, tirando fotos, usando o socialcam, tweetando e até de vez em quando, vendo o espetáculo e ouvindo música. Pois bem, parece que pessoas com este perfil, digamos assim, de hiperativo digital, estão se espalhando pelo mundo e gerando oportunidades de mercado.Li no http://www.nbcbayarea.com que alguns cinemas e teatros nos Estados Unidos estão criando assentos especiais para que as pessoas usem os seus equipamentos enquanto as peças e filmes se desenvolvem ! Os tweet seats ,como estão sendo chamados, ficam afastados dos demais para que as outras vítimas que compraram seus ingressos com boas intenções, não sejam perturbadas pelo brilho das telas dos smartphones e possam prestar atenção integral no palco ou na tela. A idéia é que o público também possa interagir com os diretores das peças,enviando perguntas em tempo real, comentando a performance dos atores e recebendo informações exclusivas sobre a produção…Ninguém sabe ao certo qual será o desfecho da experiência mas já tem gente disposta a cobrar mais por assentos assim e outros que estão topando pagar. Fiquei pensando em quem poderia ser pioneiro neste segmento no Brasil e não me ocorreu outro nome de artista além do João Gilberto, sempre tão aberto e simpático a participações da platéia.
O único problema é se ele tiver que faltar novamente aos shows marcados por causa de um novo surto de gripe infinita. Se devolver o dinheiro para os assentos “reais” já pagos é difícil, a devolução do dinheiro dos “tweet seats” com certeza seria em 140 parcelas, uma para cada caracter de elogio a sua santidade.

Posts anteriores

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Rumo a um bilhão de hits

  • 42,336 hits

Páginas mais populares

novembro 2014
S T Q Q S S D
« jul    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
%d blogueiros gostam disto: