“Up in the air” versão kids

Reencontrei meus filhos que chegavam de uma viagem internacional. Foi bom para matar saudades e para refletir que com menos de dez anos de idade eles já viajaram o que eu levei quase trinta para fazer. A relação deles com aviões, aeroportos e distâncias é muito diferente da que a minha geração tinha . Algo parecido com o que se fala sobre as diferenças que também temos na interação com a tecnologia. Sempre comentamos que a nova geração nasceu com controles remotos, Ipads e Iphones nas mãos, mas mais do que isto,eles nasceram bem mais cosmopolitas e globalizados. A internet trouxe o inglês para o cotidiano e o mundo para dentro de casa. Você pergunta, o Google responde, e te mostra, ao vivo, na sua tela. Já o Facebook te coloca em uma vila globalizada, com amigos de todos os cantos. Banalizar as viagens de avião está absolutamente alinhado com tudo isto.
As crianças chegaram em casa sem excitação, sem histórias fabulosas sobre pilotos, aeromoças, aeroportos, filmes assistidos a bordo. Pareciam executivos mirins, estilo George Clooney em “Up in the air”, em breve estarão orgulhosos de seus cartões de milhagem. Admirei a perspectiva de tê-los como cidadãos do mundo mas senti falta dos necessaires e cobertores trazidos malandramente de bordo, da dor de barriga da ansiedade, dos relatos entusiasmados de terem conhecido o comandante. Não teve mais inocência, teve profissionalismo.

Fechando o ciclo aéreo

Nas últimas semanas os aviões e aeroportos tomaram conta dos nossos posts. Atrasos, vistas aéreas inesquecíveis, quedas. Hoje fechamos o ciclo…foram mais de 24 horas entre vôos e esperas. É hora de voltar para casa e retomar a vida. Para ilustrar a transição escolhi uma foto que tirei hoje no longo vôo que nos trouxe de volta. É em cima de algum lugar do Oriente Médio e mostra perfeitamente os limites do deserto e do céu, terra e ar, como se fosse o encontro entre os sonhos e a realidade seca e árida. É um pouco assim que estou me sentindo.

Posts anteriores

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Rumo a um bilhão de hits

  • 40,380 hits

Páginas mais populares

julho 2014
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
%d blogueiros gostam disto: